Warning Cookies are used on this site to provide the best user experience. If you continue, we assume that you agree to receive cookies from this site. OK
9/9

O regresso da Puma

27.02.2020
Ivan Kostourkov
O regresso da Puma

Praticamente um ano após ter celebrado um acordo de parceria com a NBA, a marca alemã Puma passará a constar das prateleiras da Planeta Basket Store, a sua loja de basquetebol.

Historicamente ligada à modalidade, a marca fundada em 1948 por Rudolf Dassler, o irmão de Adolf Dassler, fundador da adidas, está de regresso em força ao basquetebol. E para cimentar esta decisão estratégica, nada melhor do que uma parceria de marketing com a liga de basquetebol mais famosa do mundo, a NBA. Como parte do contrato, a Puma poderá usar a imagem de jogadores da NBA, mesmo quando estiverem a usar os equipamentos das suas respectivas equipas, que serão produzidos pela Nike pelo menos até 2025.

Esta aposta forte no basquetebol faz parte da estratégia comercial da Puma em crescer e ganhar força e credibilidade no mercado norte-americano. Fora do mundo do basquetebol desde 1998, a Puma já havia dado os primeiros passos neste regresso à modalidade quando em 2018 se tornou patrocinadora de calçado da WNBA e ainda contratou o rapper Jay-Z como diretor criativo.

Nomes de ateltas consagrados como DeMarcus Cousins, Rudy Gay ou Danny Green passaram a ser patrocionados pela marca alemã que chegou a acordo com alguns dos mais promissores jovens jogadores da NBA como Kyle Kuzma, RJ Barrett, Deandre Ayton, Marvin Bagley III, Michael Porter Jr, Kevin Porter Jr, Kevin Knox ou Terry Rosier, que em Outubro de 2018 estreou os Clyde Court Disrupt, o primeiro modelo Puma neste seu regresso ao basquetebol. E convem não esquecer que no passado, a Puma patrocionou Hall of Famers como Isiah Thomas, Ralph Sampson ou Walt "Clyde" Frazier.

Dentro em breve, poderá encontrar vários modelos Puma nas prateleiras da loja e no site planetabasketstore.com. Mantenha-se atento.

Comments

No posts found

Write a review